domingo, 11 de abril de 2010

Viagem no tempo


Nenhum assunto de filmes me interessa tanto quanto a viagem no tempo. Desde os tempos de De volta para o futuro eu me encanto com o tema que cada vez mais acredito ser imopssível, ou já teríamos conhecido alguém do futuro por aqui. Enfim, filmes, séries, livros, tudo que trate sobre este tema me desperta a atenção. Lost, por exemplo, começou a me envolver mais no período em que tratou deste tema com mais intensidade.

Pois bem, toda essa enrolação para dizer que nessa tarde chatérrima de domingo assiti a De jàvu. Filme de Tony Scott e com o grande Denzel Washington como protagonista, o filme mostra uma teia extremamente envolvente sobre um assassinato e um atentado terrorista que se misturam e ficam nas mãos de Doug Carlin. Ao descobrir a ligação entre os fatos, Doug é apresentado a um programa de viagem no tempo que o leva atentar evitar que o pior aconteça.

Dedicado às vítimas do furacão Katrina, que atingiu Nova Orleans em 2006, o filme consegue cumprir o seu papel de entretenimento com uma boa dose de ficção científica baseada em boas doses de física quântica.

Para completar, infelizmente o final é prvisível. Assim, previsível no início, no meio ele te confunde e depois nos leva a um final feliz. Vale a pena. Nota 7.

PS.: E o Mengão não cansa de me dar alegrias. Rumo a final...

Um comentário:

Lívia disse...

Ja vi Deja vu. Muito bom. Recomendo um romance em que um dos personagens, aliás, dois, também viajam no tempo. O nome é "Te amarei pra sempre". Gostei muito.